Conheces o Urucum ?

Provavelmente não sabias mas este fruto com nome estranho é comumente utilizado nos teus bronzeadores e protetores solares…

O Urucum, ou urucu, é o fruto do urucuzeiro ou urucueiro cujo nome científico é Bixa orellana. Esta árvore, nativa da América tropical, chega a atingir uma altura de até seis metros e produz um fruto cujas sementes são vermelhas.

As sementes do urucum são utilizadas há milhares de anos por índios brasileiros e peruanos como matéria-prima para tintas vermelhas (corante natural), como protetor solar e como repelente.

Reza a história que quando os portugueses chegaram ao território brasileiro e penetraram na Amazónia, descobriram que os índios estavam revestidos com um pó vermelho para se protegerem do sol e dos mosquitos! Na realidade esse pó era Urucum. Daí resulta o nome dados pelos Portugueses aos índios:”peles vermelhas“.

O urucum é também um poderoso antioxidante natural pois é rico em bixina, uma molécula semelhante ao beta-caroteno. A quantidade de bixina presente no Urucum é 100 vezes superior ao dos beta-carotenos presentes na cenoura. Para além da Bixina, o urucum é rico em tocoferóis, tocotrienóis , flavonóides e em oligoelementos, como zinco, magnésio, selénio e cobre.

Estas caracteristicas  fazem do Urucum um excelente aliado para a pele, 100% natural, mantendo-a bonita, luminosa e preparando-a para o sol.

Fica a conhecer os principais benefícios associados ao Urucum:

Tem um efeito Autobronzeador

Graças ao teor de bixina, o Urucum é um fabuloso autobronzeador 100% vegetal e muito eficaz na preparação da pele para Bronzeamento. Ajuda a manter um brilho saudável e muito natural!

Antioxidante

O urucum contém vários compostos vegetais com propriedades antioxidantes, incluindo carotenóides, terpenóides, flavonóides e tocotrienóis. Os antioxidantes ajudam a neutralizar moléculas potencialmente prejudiciais conhecidas como radicais livres, que podem danificar as células e levar ao desenvolvimento de doenças crónicas.

Previne o envelhecimento da pele

Graças às suas excelentes propriedades antioxidantes, ajuda na regeneração da pele e a prevenir o seu envelhecimento.

Visão

O urucum é rico em carotenóides, a bixina e a norbixina, presentes na camada externa da semente do urucum. Estas substâncias podem ajudar a proteger os olhos, a pele e outros tecidos contra a oxidação destrutiva provocada pelos radicais livres. Os carotenóides não são produzidos pelo organismo, pelo que só se conseguem obter através da alimentação ou ingestão de suplementos. De acordo com diversos estudos, os carotenóides parecem contribuir para a redução do risco de degeneração macular relacionada com a idade, doença crónica que se desenvolve com o envelhecimento e é a principal causa de cegueira em pessoas com mais de 65 anos. Investigações mais recentes revelam que pode desempenhar um papel na redução do risco de cataratas.

Coração e Colesterol

O urucum é uma excelente fonte de tocotrienóis, que auxiliam na redução do risco cardiovascular e em problemas cardíacos relacionados com a idade. Os tocotrienóis pertencem também à familia das vitaminas E. Os seus efeitos antitrombóticos, antimutagénicos, antioxidantes e de redução do colesterol, estão solidamente documentados. 

Agora que a tua exposição solar vai aumentar bastante, mais ainda depois de muitas semanas à sombra em confinamento, prepara-te convenientemente e evita surpresas desagradáveis.

Foto de Patrick Rasoanaivo no Pexels

One thought on “Conheces o Urucum ?

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s