Conheces a Spirulina ?

A spirulina é uma cianobactéria, uma planta aquática de água doce microscópica que cresce naturalmente em lagos tropicais e subtropicais com um elevado pH e altas concentrações de carbonato e bicarbonato.

Apresenta uma cor azul-esverdeada devido à presença de Ficocianina e Clorofila. Para além do alto teor de ficocianina e clorofila, a spirulina contém ainda carotenoides na sua constituição.

Em 1974, a Organização das Nações Unidas (ONU) reconheceu a Spirulina como “o melhor alimento para o futuro da humanidade”.

As espécies mais consumidas são a Spirulina maximae a Spirulina platensis.

A spirulina é um dos alimentos nutricionalmente mais completos e é considerada um superalimento. É muito rica em proteínas – aproximadamente 70% da sua composição (incluindo aminoácidos essenciais) – e tem um valor calórico reduzido, sendo que 1 porção (3g) contém apenas 10kcal. Para teres uma ideia mais clara, 100g de bife de frango contêm 20g de proteína enquanto 100g de Spirulina contêm cerca de 65.9g.

A spirulina é também um excelente antioxidante pois é uma fonte natural de betacaroteno, de vitaminas A, B12, B6 e E e de minerais como cálcio, ferro, iodo e potássio. E a sua riqueza nutricional e o seu alto teor em proteínas, vitamina B12 e ferro, fazem dela um complemento ideal para as dietas veganas.

A spirulina é utilizada na alimentação dos astronautas da NASA em missões espaciais, devido seu alto poder nutritivo e imunomodulador (substância que atua no sistema imunológico). 

Quais os principais benefícios da Spirulina?

A  spirulina, graças à sua composição, é facilmente digerida pelo nosso sistema digestivo. Os seus nutrientes são, altamente biodisponíveis e rapidamente assimilados pelo organismo.

Então quais são os principais benefícios associados à spirulina ?

Controlo do peso

Vários estudos apontam para a capacidade da spirulina auxiliar na manutenção de um peso corporal normal, no controlo do apetite e ainda na manutenção da sensação de saciedade.

Alguns estudos indicam que a spirulina juntamente com uma alimentação saudável pode favorecer a perda de peso, já que pode funcionar como um inibidor do apetite e controlar a saciedade, pois é rica em fenilalanina, um aminoácido que se pensa determinar o nível de saciedade do estomago.

Além disso, a spirulina aparentemente pode ter efeito sobre a leptina, hormona responsável pelo controlo da ingestão alimentar.

Poderoso efeito anti-inflamatório

Graças à ficocianina, principal composto ativo da spirulina, a spirulina tem um efeito anti-inflamatório

Benefícios a nível cardiovascular

A spirulina é um protetor natural do nosso coração, devido às suas propriedades hipolipidémicas, hipoglicémicas e anti-hipertensivas. Por outras palavras, a spirulina pode reduzir os níveis de triglicéridos, o colesterol e os níveis de açúcar no sangue, bem como a tensão arterial.

Anti-histamínico natural

Um dos benefícios da spirulina é que foi demonstrado que o seu consumo melhora, significativamente, os sintomas de alergia, tais como secreção nasal, espirros, congestão nasal e comichão, próprias da alergia, graças à sua capacidade de deter a libertação de histamina que causa os referidos sintomas.

Energizante natural

A spirulina pode proporcionar múltiplos benefícios perante situações de maior desgaste, tanto físico (incluindo o desporto) como intelectual (incluindo o stress). Estudos mostram como o consumo de spirulina aumenta a resistência física, a tolerância à fadiga e a força muscular.

Rica em proteínas

A spirulina é geralmente recomendada em dietas pobres em proteínas, em dietas vegan ou vegetarianas, por auxiliar na manutenção e preservação da massa muscular.

Detox

Outro dos grandes benefícios da spirulina está na capacidade para aumentar a remoção de substâncias tóxicas do nosso organismo. ​​

Anemia

Rica em ferro, a spirulina pode contribuir no combate à anemia.

A utilização da spirulina para consumo humano não é recente. Existem evidências que os aztecas e algumas populações do norte de África já incluíam spirulina frequentemente na sua alimentação.

Como escolher a melhor Spirulina ?

Como é normal, os produtos à base de Spirulina variam muito em qualidade e consequentemente em valor.

O cultivo e criação:

A spirulina funciona como uma esponja, absorvendo todos os elementos presentes no ambiente sejam bons como os minerais, sejam os maus como os metais pesados. Estes últimos causam graves problemas de contaminação em algumas culturas bem como graves danos à nossa saúde. Assim é fundamental assegurar que a Spirulina adquirida provém de origens conhecidas e que os produtores cultivam as algas em águas de elevada qualidade e circuitos fechados, em ambientes controlados e livres de poluição.

A extração e transformação:

A secagem é também um ponto-chave na cultura da espirulina. Se as algas forem secas acima de uma determinada temperatura (normalmente 45graus) perdem os seus nutrientes e igualmente importante, a sua biodisponibilidade (a capacidade de o corpo absorver os benefícios do alimento).

Conclusão:

Como principio básico de consumo responsável devemos certificar-nos SEMPRE sobre as origem e a qualidade do que adquirimos e ingerimos. Lê bem os rótulos, compara e pergunta, pergunta, pergunta ! No caso da Spirulina este principio poderá fazer uma grande diferença não só porque poderás estar a adquirir um produto contaminado como também um produto que pelo processo de transformação a que foi sujeito perdeu algumas ou a maioria das sua propriedades e alguma da sua biodisponibilidade pelo que o teu corpo não a absorverá por completo.

Photo by FOODISM360 on Unsplash

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s